Você fica em dúvidas sobre o tempero ideal para cada tipo de carne?

Temperos e especiarias moveram as grandes navegações em busca dos sabores que só o mundo oriental podia oferecer. Hoje, felizmente, as distâncias estão mais curtas e acertar em cheio o tempero só depende da sua experiência e do seu conhecimento na cozinha.

Para quem está começando a sua jornada como mestre churrasqueiro sempre pode contar com o apoio do Embaixador do Churrasco. Coloco à sua disposição os conhecimentos que acumulei durante anos de atuação nessa área.

E o melhor de tudo: você gasta muito pouco para fazer o seu churrasco ainda mais especial. O que ensino a seguir são truques para você fazer bonito com economia. Continue até o final conhecer o tempero ideal para cada tipo de carne.

Carne de gado

A carne de gado é uma das mais consumidas do mundo em variadas versões. São diversos cortes e formas de preparo: grelhada, frita, ensopada, na brasa, etc. 

Por si só, já é uma carne saborosa. Os temperos-base para seu preparo, em qualquer estilo, são o sal e a pimenta-do-reino. Em muitos casos, esses itens são suficientes para deixar a carne muito bem temperada.

No caso dos ensopados, você pode incrementar com curry, noz-moscada ou molho de soja, também conhecido como shoyu. Mas, atenção: o shoyu já é bem salgado, assim, cuide com a quantidade de sal.

Nos preparos assados, invista no cominho. Para as carnes cozidas, aposte no gengibre se quiser um tom picante, ou na noz-moscada para um toque adocicado.

Os grelhados permitem variar mais os temperos. Vale a pena testar o coentro, o louro, a páprica e a pimenta-calabresa.

Carne de porco

Versátil, a carne de porco também tem o seu sabor valorizado por diferentes tipos de tempero. Aqui, diferente da carne de gado, as combinações podem ser bastante bastante variadas.

Misturar ervas já tradicionais com ingredientes diferentes, como mel e mostarda, fica delicioso. Não tenha medo de combinar!

Também vale a pena manter a carne marinada por horas ou até dias antes do preparo. Abaixo, uma sugestão de salmoura para a carne de porco:

  • 1 xícara (chá) de vinho branco seco;
  • suco de 1 limão;
  • 1 cebola picada;
  • 3 dentes de alho;
  • Meia xícara de salsão picado;
  • 3 colheres (sopa) de azeite;
  • Ervas a gosto, tais como pimenta-do-reino, orégano, cheiro verde;
  • Meia colher de sal.

Todos os ingredientes podem ser batidos em um processador ou liquidificador simples. Pegue a carne de porco, fure com um garfo e coloque em um recipiente. Passe bem o creme batido nessa carne, tampe com plástico-filme e deixe marinar por, no mínimo, 4 horas.

Pronto! É só levar a carne de porco para assar.

Carne de frango

O frango é fácil de preparar e combina com muitos acompanhamentos. A grande dica para o aspirante a churrasqueiro é apostar em temperos que ajudem a hidratar da carne, tornando mais macia.

Assim, você pode apostar em molhos, caldos e até sucos de frutas para temperar a carne de frango. Ingredientes como vinagre, limão, suco de laranja, azeite, molho shoyu, cebola, mostarda e ervas frescas em geral são algumas das melhores opções.

Leia também: Como preparar asinha de frango?

Gostou das dicas de tempero ideal para cada tipo de carne? Em meu curso Churrasco na Prática, você encontra muito mais receitas e dicas para fazer sucesso no seu churrasco.

Conheça agora: Churrasco na Prática.

Até a próxima!

Mauro Camargo

Mauro Camargo, conhecido como Embaixador do Churrasco, é consultor internacional para implantação de churrascarias ao redor do mundo.Há 25 anos fundou a Companhia do Churrasco em Porto Alegre e há 15 anos ministra cursos, treinamentos e workshops sobre churrasco. Além disso, Mauro Camargo ministra o curso on-line Churrasco na Prática.
Fechar Menu